Cotações

Boi Gordo

Suíno Carcaça

Soja Disponível

Metodologias

Notícias

Quem somos

O que é CIA

A equipe do CIA/UFPR, desde 2008, atua em pesquisas econômicas ligadas à bovinocultura de corte paranaense junto ao Laboratório de Pesquisas em Bovinocultura da Universidade Federal do Paraná (LAPBOV/UFPR) e, desde maio de 2011, atua em pesquisas econômicas relacionadas à suinocultura paranaense, numa parceria entre o Laboratório de Pesquisas Econômicas em Suinocultura da Universidade Federal do Paraná (LAPESUI/UFPR), o Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER), a Associação Regional de Suinocultores do Centro-Sul do Paraná (SUINOSUL) e a Associação Paranaense de Suinocultores (APS).

A expansão dos estudos para outras cadeias produtivas, que não a bovinocultura de corte, levou à criação do Centro de Informação do Agronegócio (CIA/UFPR) para integrar o LAPBOV, o LAPESUI e outros laboratórios que desenvolvam pesquisas relacionadas ao agronegócio. A criação do CIA consolidou a parceria entre universidades e instituições privadas para o desenvolvimento de diversos projetos e estudos.

A equipe de execução é multidisciplinar, sendo formada por professores e alunos de graduação e pós-graduação das áreas das Ciências Agrárias, e também envolve pessoas e/ou organizações que não pertençam ao corpo docente e discente da UFPR, sendo que todos colaboram nos projetos conforme suas especialidades buscando a inter-relação entre as áreas.

Todos os trabalhos desenvolvidos pelo CIA/UFPR estão ligados ao projeto “Estudos econômicos relacionados a pecuária paranaense e brasileira: construção de indicador de preços, composição de custos, estudos de impacto financeiro e tomadas de decisão”. Este projeto engloba trabalhos desenvolvidos a nível de graduação (iniciação científica, monitoria, programa de voluntariado acadêmico – PVA) e de pós-graduação no Programa de Pós-Graduação em Zootecnia (PPGZ) com o desenvolvimento de dissertações e teses.

Laboratórios

LAPBOV

Em função da rápida evolução das tecnologias utilizadas na pecuária bovina, a demanda por conhecimentos relativos a esta atividade é crescente. Pesquisas são necessárias para confirmar e aperfeiçoar tecnologias, visto que são de grande impacto na cadeia produtiva.

A Universidade possui um papel fundamental na pesquisa, sendo a principal geradora de conhecimento técnico e científico para a comunidade.

O Laboratório de Pesquisas em Bovinocultura (LAPBOV) do Departamento de Zootecnia da UFPR tem como objetivo otimizar as atividades de ensino, pesquisa e extensão da Bovinocultura de Corte, Bovinocultura de Leite, Forragicultura, Nutrição de Ruminantes, Melhoramento Genético Animal, Economia Rural e Comercialização Agrícola.

O LAPBOV foi criado para aproximar todos os setores envolvidos com a Bovinocultura, tornando-se um meio de produção, divulgação e transferência de conhecimento, consolidando a parceria entre universidades e instituições privadas, para o desenvolvimento de diversos projetos.

LAPESUI

O Laboratório de Pesquisas Econômicas em Suinocultura (LAPESUI) do Departamento de Zootecnia da UFPR tem como missão aproximar todos os setores envolvidos com a Suinocultura, tornando-se um meio de produção, divulgação e transferência de conhecimento, consolidando a parceria entre Universidades e instituições privadas, para o desenvolvimento de diversos projetos.

Nosso Propósito: Uma cadeia produtiva organizada funciona de forma mais estruturada, permitindo uma maior interação entre todos os agentes envolvidos no processo de produção, proporcionando uma credibilidade técnica, reduzindo a concorrência e fornecendo melhores resultados e transparência para o mercado.

O indicador de preços de um produto é o preço médio de mercado praticado num determinado período, ou seja, é o preço (cotação) que reflete as forças de oferta e demanda que atuam naquele momento.

Nosso propósito é construir indicadores de preços do suíno que sejam mais abrangentes para o estado do Paraná. Estes indicadores poderão servir como referencial no direcionamento de operações de compra e venda de suínos pelos produtores e frigoríficos, pois possivelmente representará um preço mais próximo do real praticado no Estado. Desta forma, o indicador será de fundamental importância para todos os agentes ligados ao setor, no sentido de reproduzir a realidade do mercado e criar condições de se gerar uma evolução sustentável para a suinocultura no estado.

Coordenador

Paulo Rossi Junior

Dr. Paulo Rossi Junior

Professor Titular do Departamento de Zootecnia da UFPR

Graduado em Zootecnia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1991), mestrado em Ciência Animal e Pastagens pela Universidade de São Paulo (1994) e Doutorado em Zootecnia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1998). Atualmente é professor Titular da do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal do Paraná. Coordena o Centro de Informação do Agronegócio da UFPR (CIA-UFPR) no qual está vinculado o Laboratório de Pesquisas em Bovinocultura da UFPR (LAPBOV) e o Laboratório de Pesquisas Econômicas em Suinocultura da UFPR (LAPESUI).

Graduandos

Desenvolvido por Ricardo Varjão e Vinícius Tozo